Travesti é eleita primeira coordenadora de centro acadêmico no IFRN

By | 15:09 5 comments
Foto: Rbecka de França
O campus central do Instituto Federal do Rio Grande do Norte elegeu na última sexta-feira (04) a primeira travesti na coordenação geral do Centro Acadêmico de Geografia. A eleição ocorreu com chapa única e aprovou por aclamação Rebecka de França, aluna do quarto período da licenciatura de geografia e coordenadora da Atransparência, organização fundada por ela.

A votação ocorreu com a presença do diretor do campus central José Arnóbio de Araújo, do coordenador geral do curso de licenciatura em geografia Malco Jeil de Oliveira Alexandre e de representantes do coletivo Paulo Freire, formado por alunos do ensino superior do Instituto.

Foto: Rebecka de França
A decisão de se candidatar partiu da pressão de amigos e colegas de curso que reconheceram na Rebecka a figura de militante, cuja trajetória é marcada por lutas dos direitos da população LGBT. "Senti que poderia representá-los", disse sobre aceitar a indicação.

Uma das primeira travestis que se tem notícia a estudar no IFRN, Rebecka de França torna-se também pioneira à frente de um CA.

Foto: Rebecka de França
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

5 comentários:

  1. Parabéns Rebecka, mais que merecido! Sucesso sempre.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns isso realmente demonstra um avanço social

    ResponderExcluir
  3. Os Parabens é Para Você Rebecka e Pela Sua Luta.

    Desejo Luz e Discernimento em todas as etapas.

    Quero Ir Para Sua Colaćão de Grau.

    ResponderExcluir
  4. O CA e o IFRN só tem a ganhar. A diversidade deixa a educação mais democrática. Viva...

    ResponderExcluir
  5. O CA, O IFRN e alunxs só tem a ganhar. A diversidade facilita a aprendizagem e deixa a educação mais democrática

    ResponderExcluir