Reinaldo Azevedo, Veja e Jovem Pan são condenados a pagar R$ 100 mil de indenização a Laerte

By | 14:17 Comente
Foto: Reprodução/Revista Fórum
No ano passado, o colunista Reinaldo Azevedo publicou um texto na revista Veja atacando a cartunista Laerte Coutinho. Ela havia feito uma charge ironizando o golpe contra a presidenta Dilma Rousseff e foi chamada – entre outras ofensas – de “baranga moral”, “fraude de gênero” e “homem que se finge de mulher”.

Em razão disso, a artista processou Azevedo, a revista e também a Jovem Pan por danos morais, uma vez que os insultos foram repetidos na rádio. Na decisão assinada na última quinta-feira (15), o juiz Sang Duk Kim condenou os réus ao pagamento do valor de R$ 100.000,00 à Laerte.

“Há de se consignar que o objetivo de um artigo ou notícia é o interesse público e que a liberdade de expressão e comunicação encontra seu limite na fronteira do abuso. Assim sendo, o direito à liberdade de expressão não é absoluto”, afirmou o magistrado. Para ler a sentença completa, clique aqui.

As informações são da Revista Fórum.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: